Construção civil: menos impacto ambiental

5 Vantagens de usar o tijolo ecológico para o isolamento térmico da sua obra

É necessário que o ramo da construção civil comece a pensar em formas de reduzir os impactos no ambiente. Para isso, a utilização de materiais como o tijolo ecológico se faz necessária. A ecologia e o desenvolvimento da natureza precisam ser tratados como uma verdadeira prioridade.

Além disso, os departamentos voltados para o controle ambiental, assim como construtoras e empreiteiras, acabam se mostrando áreas essenciais da economia, o que gera emprego e aumento no consumo da mão de obra. Sendo assim, o mais sensato a se fazer é buscar por uma produção sustentável. 

Impactos da construção civil

Querendo ou não, a construção civil deixa muitos impactos no meio ambiente graças à sua ampla disseminação no mercado. Muitos dos resíduos descartados na natureza são aqueles que vêm diretamente de reformas, reparos, demolições e, também, das próprias construções realizadas em um espaço.

Além disso, outros impactos deixados pela construção civil estão voltados para os materiais deixados no ambiente em meio a esses reparos, como concreto, rochas, tijolos, blocos cerâmicos e argamassa. Todos esses materiais, e outros, são prejudiciais caso descartados da forma incorreta.

De acordo com a resolução CONAMA 307/2022, os resíduos são divididos de 4 formas:

  • CLASSE A: são os resíduos que poderão ser reutilizados ou reciclados como uma forma de agregar, principalmente aqueles encontrados facilmente nos canteiros de obras;
  • CLASSE B: são os resíduos recicláveis utilizados para outras destinações, como é o caso do papelão, do plástico e, também, dos metais;
  • CLASSE C: são resíduos que não possuem uma destinação apropriada, pois ainda não há uma tecnologia ou aplicação econômica que seja viável para o seu descarte;
  • CLASSE D: são os resíduos que apresentam um perigo claro graças ao seu processo de construção, geralmente com componentes químicos, como é o caso das tintas, dos solventes e fragmentos de reparos de clínicas radiológicas.

Atualmente, é possível dizer que o setor de construção civil acaba se mostrando o responsável por cerca de 50% da utilização de recursos naturais que estão disponíveis. Sendo assim, ao aplicar a ideologia sustentável, é possível reduzir os impactos negativos, utilizando, por exemplo, o tijolo ecológico como base.

Como diminuir o impacto em sua obra?

Existem, sim, algumas formas que podem ajudar a reduzir o impacto em obras relacionadas à construção civil. Confira, abaixo, quais são elas e como podem ser úteis.

Licenças ambientais controladas

É necessário que as empresas possuam um registro de licença ambiental de operação para garantir o seu funcionamento. É por meio dela que se torna possível mostrar uma fiscalização correta e, também, comprovar que a organização está apta para funcionar e realizar todas as atividades para as quais está destinada.

Sendo assim, é válido destinar materiais ou contratar serviços apenas quando a empresa contratada oferecer um licenciamento ambiental que esteja em vigência. Isso reduzirá, e muito, as dores de cabeça que a corporação poderá passar, além de assegurar um trabalho de qualidade.

Elaboração de programas de redução de resíduos

Os programas que visam reduzir a quantidade de resíduos no meio ambiente também são extremamente importantes para a redução dos impactos ambientais voltados para a construção civil. Além disso, buscar por materiais mais sustentáveis, como o tijolo ecológico, é uma excelente saída.

Não é importante que apenas os resíduos sejam destinados para os locais corretos, mas também se faz necessário que haja uma redução considerável na geração desses resíduos, fazendo com que uma empresa tenha a capacidade de economizar recursos e, simultaneamente, consiga fazer com que seu trabalho se mostre sustentável para o mundo.

Implementação de prevenção às perdas

Para que um gestor faça um bom trabalho em relação ao meio ambiente, é necessário que ele saiba como e quando executar um programa capaz de reduzir os impactos ambientais de sua empresa. O programa será responsável por mostrar todos os materiais que foram utilizados para que a operação seja levada adiante.

Além disso, ter um plano de prevenção às perdas é essencial para impedir que alguns erros dentro da operação sejam responsáveis por causar algum tipo de prejuízo. Seja por motivos banais, como sacos de materiais esquecidos na chuva, é importante implementar esse tipo de planejamento.

Busca por certificações ambientais

A certificação ambiental é, sem dúvida alguma, uma das melhores formas de uma empresa voltada para a construção civil conseguir reduzir os impactos à natureza. São vários os tipos encontrados e, alguns deles, estão voltados especificamente para as empresas de construção e seus planos.

Uma das certificações mais comumente solicitadas é a LEED, capaz de fazer uma avaliação geral da qualidade da operação das empresas em relação ao campo de energia e sua eficiência. A certificação é amplamente difundida, seja no Brasil ou no resto do mundo, o que garante ainda mais credibilidade para as corporações.

Aplicação de materiais ecológicos

Os materiais ecológicos vêm ganhando cada vez mais espaço no mercado, principalmente por causa da onda de conscientização da área de construção civil. Além disso, a variedade de materiais disponíveis também tem crescido consideravelmente, abrindo portas para que as construções se mostrem mais ecológicas e reduzam os desastres ambientais.

A área da construção civil pode trabalhar diretamente com os materiais ecológicos, seja para levantar paredes ou para pintá-las sem agredir o meio ambiente com aditivos químicos prejudiciais. A simples preocupação com iluminação e ventilação também podem ajudar, e muito, a reduzir o consumo de recursos energéticos, como a água e a luz.

Tijolos ecológicos: economia e cuidado com o meio ambiente

Os tijolos ecológicos são, sem dúvida alguma, uma das melhores opções para quem está investindo em construção civil. Além de terem uma praticidade acima da média, diferente dos modelos convencionais, eles levam bem menos tempo para ficarem prontos sem a necessidade da queima de materiais e, consequentemente, poluição do ar.

Sendo assim, este tipo de investimento é extremamente válido para ajudar a construção civil a caminhar por uma estrada mais sustentável, sem grandes impactos. Além disso, o tijolo ecológico é extremamente necessário para melhorar o isolamento térmico e acústico de ambientes, incrementando no projeto final e agradando a todas as partes.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Abrir bate-papo
Olá 👋
Podemos ajudá-lo?